Vinhos orgânico e biodinâmico estão na carta da Confraria Reserva Verão

06.11.2019 | 15h30 - Atualizada em: 07.11.2019 | 09h20
Por Anna Rios
Geral

BLOG

Confraria do vinho

Rótulos argentinos chamam atenção no 5º jantar do da Confraria do Vinho Itapema, que acontece amanhã na Alameda Casa Rosa

Três rótulos argentinos e um espanhol vão compor a sempre celebrada carta de vinhos a Confraria do Vinho Itapema, que chega ao seu 5º encontro de 2019 inspirando-se no verão. A Confraria Reserva Verão, dia 7 de novembro na Alameda Casa Rosa, terá como tema a estação mais quente do ano e promete impressionar tanto pela variedade de opções do menu do chef Renato Stumpf, quanto por apresentar ao público uma opção de vinho orgânico e outra de vinho biodinâmico.

O coquetel volante de entrada, que é sempre marcado pela descontração da chegada do público e seus encontros, vai servir opções com ingredientes que vão desde garoupa, passando por siri, camarão, manga, cogumelo paris, mostarda em grão, rabada e até canjiquinha. Os pratos elaborados com ingredientes tão variados e selecionados vão harmonizar com um rótulo espanhol. Para o start da noite a experiente sommelier Regina Essemburg, parceira da Enoteca Decanter, optou por uma espumante brut vinda diretamente de La Mancha, a terra de Don Quixote, o Ophicus Cuvee Rosé, Cava Brut, da Bodega Lozano, tradição na vinicultura europeia desde 1853.

O primeiro prato da noite será um Terrine de lombo e pistache, amora e pão de fermentação natural. A harmonização será com um vinho biodinâmico, o Amalaya Blanco 2018, da Bodega Colomé, que fica na região de Salta, na Argentina. Um vinho biodinâmico é aquele produzido através de uma relação harmoniosa entre todos os elementos que compõem o vinhedo tratando-o como um ecossistema alimentado com compostos vegetais, animais e minerais, e bichos de todos os tipos e espécies nativas são convidados a passear entre as videiras, fertilizando o solo e podando naturalmente as plantas. Até mesmo as fases da lua interferem neste modelo de produção que vai totalmente contra o uso de qualquer pesticida ou fertilizantes industriais.

Ainda apostando nas produções naturais, o segundo prato da noite será harmonizado com um vinho orgânico, também argentino. O clássico fiilé mignon Wellington servido com gratin de batata e molho de vinho tinto será acompanhado pelo Black Label Syrah, 2016, da vinícola Finca las Moras da região de San Juan. O vinho orgânico veta a utilização de produtos industriais, como agrotóxicos, conservantes e fertilizantes, tanto no controle no vinhedo, ou seja, na viticultura, quanto na produção do vinho em si, a vinicultura.

Para a sobremesa, outro rótulo da Bodega Colomé, que desde 1831 produz vinhos de parreirais que ficam a mais de 3 mil metros de altitude, área de produção considerada a mais alta do mundo. O Cheesecake de limão siciliano e framboesa vai harmonizar com o Amalaya Blanco Dulce 2018.

Outo ponto sempre harmonioso nos jantares da Confraria do Vinho Itapema é seu cardápio musical. O Quarteto Itapema, encabeçado pelo experiente músico Rafael Calegari, - que há duas décadas atua como compositor, contrabaixista, arranjador e ainda ministra masterclass e cursos de instrumentos e aperfeiçoamento em MPB e Jazz pelo Brasil, - vai contar com participações especiais: o baterista Richard Montano, o multi-instrumentista Braion Jhonny (Saxofone, trompete e clarinete) e, pela primeira vez participando da Confraria, o compositor e guitarrista Thomas Pessoa. Improviso, releituras de temas de Jazz, Blues, Pop e arranjos requintados de canções consagradas estão no repertório criativo e elgante do quarteto.

Grandes parceiros completam a essência do penúltimo encontro da Confraria do Vinho Itapema em 2019. A decoração fica por conta de Mila Teixeira, ambientação com detalhes de Escritolândia e Bellacatarina, a mesa de cafezinho da despedida é assinado pelo Padeiro de Sevilha, a AcquaLive serve suas aguas ionizadas e a Geração Hyunday sempre expõe seus automóveis com o toque encantador das projeções. Já o artista Luciano Martins mantém a tradição de sortear uma ora sua entre os convidados, sempre um dos momentos mais aguardados da noite.

 

Confira o cardápio completo da Confraria do Vinho Itapema Reserva Verão:

Coquetel volanteVichyssoise e garoupa grelhada; Bolinho de siri com creme de moqueca; Camarão com relish de manga; Risotto de cogumelo paris e chantilly de mostarda em grão e Ragu de rabada e canjiquinha cremosa

Harmonização: OPHICUS CUVÉE ROSÉ, Cava Brut - Lozano - La Mancha/Espanha (Perfil elegante com flores brancas, pera e maçã verde. Boca fresca e cremosa. Uva Tempranillo e Bobal)

Primeiro pratoTerrine de lombo e pistache, amora e pão de fermentação natural

Harmonização: AMALAYA BLANCO/2018 - Colomé - Salta/Argentina (biodinâmico) (Aroma exótico de fruta-do-conde, cítricos e ervas. Textura macia, boa persistência. Uva Torrontés e Riesling)

Segundo prato: Filé mignon Wellington, gratin de batata e molho de vinho tinto

Harmonização: BLACK LABEL SYRAH/2016 - Las Moras - San Juan/Argentina (orgânico)(Bem delineado no nariz, com figo e framboesa, chocolate e tinteiro. Concentrado, quente, conjunto polido e muito longo)

SobremesaCheesecake de limão siciliano e framboesa

Harmonização: AMALAYA BLANCO DULCE/2018 - Salta/Argentina (Aromas de banana, abacaxi e flores. Em boca é macio, com acidez deliciosa e levemente adocicado. Uva Torrontés e Riesling)

 

Serviço

O quê: Confraria do Vinho Itapema 2019

Quando:  5ª edição – 07/11 |  6ª edição – 12/12

Horário: 20h.

Onde: Alameda Casa Rosa (Rodovia Admar Gonzaga, 3401 - Itacorubi, Florianópolis)

Ingressos: R$160. Podem ser adquiridos no site Blueticket ou nos pontos de venda (Siqlo Beiramar Shopping, Bellacatarina, Decanter, O Padeiro de Sevilha e Escritolândia SC 401).

 

Matérias Relacionadas